segunda-feira, 30 de março de 2015

Show Rosa e Grão - Simone Guimarães e Salomão Habib

“ROSA E GRÃO”

SIMONE GUIMARÃES
E
SALOMAO HABIB

Theatro da Paz 22 de abril de 2015, 20:00h
Patrocínio: Associação Comercial do Pará – ACP
Serviço Social do Comércio – SESC - Pa





Violões da Amazônia – 2015

Rosa e Grão

RELEASE


Santa ROSA do Viterbo é uma pequena cidade paulista onde nasceu uma das mais privilegiadas vozes brasileiras: Simone Guimarães. Compositora, arranjadora, intérprete e poeta, Simone tem em sua musicalidade, a natureza dos rios, das águas e dos campos verdes onde o perfume natural das coisas sopra em canções de amores, dores e flores.
Em 2004 a cantora parte para Paris, e representa o Brasil no MIDEM em “Cannes”, e “Marseille”. Sua obra começa a tocar nas cidades do Sul da França o “Nice Matin” a coloca como uma novidade europeia vindo do Brasil. Na rádio Oriente em Lisboa Simone fica em destaque na programação, chegando a ser a mais tocada. Em quanto isso em seu apartamento no Leblon, nos prepara uma flor.
FLOR DE PÃO ganhou três indicações para a 8ª edição do Grammy Latino, e a música “Carta à Amiga Poeta”, de sua autoria em parceria com Francis Hime, foi uma das cinco finalistas ao Grammy e na categoria Simone recebeu o Grammy “Melhor Canção Brasileira em Língua Portuguesa".
Tendo realizado shows no Brasil e no exterior ao lado de artistas consagrados como Milton Nascimento, Maria Betânia, Flavio Venturini, Francis Hime, Paulo Jobim, Maria Rita, João Bosco entre outros, Simone aporta sua musicalidade na região norte do Brasil subindo ao palco com o violonista e compositor paraense Salomão Habib. Nascido em Santa Maria de Belém do GRÃO Pará, antigo nome da atual Belém, é um dos nomes de destaque do violão brasileiro, premiado e admirado por um seleto público dentro e fora do País, tem contribuído com a pesquisa e o levantamento histórico musical de sua região e seus 29 discos e dois livros lançados com sucesso de crítica. Já realizou turnês por todas as capitais brasileiras bem como em países como Alemanha, onde já esteve 6 vezes, Suíça, Bélgica, Cuba, Venezuela, Itália, Portugal.
O espetáculo apresentado ao som de violão Hexacorde, Decacorde, Viola Caipira, Marimba (Ricardo Aquino), Piano (Lenilson Albuquerque), Contrabaixo (Príamo Brandão),  Sanfona (Everaldo Jr) e Percussão (Alcides Alexandre) contará com canções inéditas do repertório dos dois compositores num encontro inesquecível onde a sensibilidade une-se à força e a densidade à delicadeza. Simone Guimarães e Salomão Habib em "ROSA“& GRÃO” trará ainda as participações especiais de Eudes Fraga e Andrea Pinheiro.
Será um evento inesquecível repleto de musicalidade brasileira. Técnica instrumental e arranjos especiais para canções consagradas, brindarão o público com bom gosto e qualidade musical destes dois grandes talentos.






Simone Guimarães

Nascida no interior, de São Paulo, Simone Guimarães é, além de cantora, compositora e instrumentista.
Sua obra faz um flerte com o estilo moderno do Clube da Esquina. ‘Na verdade e entretanto', a influência mineira na música de Simone vem mesmo é de Milton Nascimento: Simone foi aluna na Escola Livre de Música do artista em Belo Horizonte, onde estudou sob a tutela de Juarez Moreira, hoje, parceiro.
PIRACEMA (1996), seu primeiro CD solo, foi  inspirado na trilha sonora que ela e Paulo Jobim escreveram para o documentário O Canto da Piracema, feito pela  Rede Globo, que recebeu o prêmio Líbero Badaró na categoria Telejornalismo em 1992. PIRACEMA foi relançado em 2003 pela gravadora CID.Em 1996 Simone Guimarães participou do Songbook Tom Jobim (disco quatro), no dueto com Paulo Jobim em "Pato Preto".
Também em 1996, junto com Olmir Stoker "Alemão" e Zezo Ribeiro, ela gravou o disco CORDAS VERSOS CORDAS.
Em seu segundo CD solo, CIRANDEIRO (1997), selo “Tiê music” Simone Guimarães contou com as presenças de Paulo Jobim, Maurício Maestro e Leandro Braga. CIRANDEIRO recebeu duas indicações para o Prêmio Sharp: melhor cantora e melhor arranjo e teve sua interpretação da música-título, “Cirandeiro”, incluída na trilha de “A Indomada”, novela da TV Globo; outras  duas músicas de sua autoria, a primeira em parceria com Cristina Saraiva, "Estrela do meu Bem Querer" e "Brincadeira de Coroar",  foram incluídas na novela “Serras Azuis” da Rede Bandeirantes.
Nesse caminho, Simone chamou a atenção de muita gente boa na música brasileira: Em AGUAPÉ (1998), seu terceiro CD solo, também pelo selo Tiê, comprado pela gravadora CID, ela contou com as participações vocais de Zé Renato, Danilo Caymmi, Elba Ramalho, Ivan Lins e Maurício Maestro. AGUAPÉ é considerado pela crítica especializada como um dos CDs mais bonitos dos últimos tempos.
        Em 1999 a artista grava no Songbook Chico Buarque "Desencontro" (de Toquinho e Chico Buarque), com Hélio Delmiro ao violão. No final deste mesmo ano, Grava com Ivan Lins, Um Novo Tempo.
Em VIRADA PRÁ LUA (2001), seu quarto CD solo, o presente maior foi o dueto com Milton Nascimento, na faixa "Imagem e Semelhança".
Em 2002 Simone Guimarães é convidada por Milton Nascimento, para participar do álbum PIETÁ, pela gravadora Warner, ao lado de Maria Rita e Marina Machado. O álbum foi premiado em todo o mundo.
CASA DE OCEANO (2003), o quinto CD solo de Simone Guimarães, marcou sua estréia em uma nova gravadora, a Biscoito Fino. No mesmo ano ela gravou 6º COMPASSO SAMBA & CHORO. Em 2007, em comemoração aos dez anos de carreira fonográfica, Simone Guimarães lançou, também pela Biscoito Fino, seu sexto CD solo, FLOR DE  PÃO, no qual foi presenteada pelas participações de Milton Nascimento, Guinga, Francis Hime, Leila Pinheiro, Toninho Horta, Dori Caymmi, Renato Braz e Antônio Carlos Bigonha.
Em 2004 a cantora parte para Paris, e representa o Brasil no MIDEM em “Cannes”, e “Marsseille”. Sua obra começa a tocar nas cidades do Sul da França o “Nice Matin” a coloca como uma novidade européia vindo do Brasil. Na rádio Oirnte em Lisboa Simone fica em destaque na programação, chegando a ser a mais tocada. Em quanto isso em seu apartamento no Leblon, nos prepara uma fLor.
FLOR DE PÃO ganhou três indicações para a 8ª edição do Grammy Latino, e a música “Carta à Amiga Poeta”, de sua autoria em parceria com Francis Hime, foi uma das cinco finalistas ao Grammy e na categoria Simone recebeu o Grammy “Melhor Canção Brasileira em Língua Portuguesa".
No mesmo ano CD DIVAS CANTAM JOBIM é lançado pela Som Livre de Portugal .
Teve uma de suas músicas gravadas por Nana Caymmi, "Confissão", no CD Sem Poupar Coração, lançado pela Som Livre com mais de 200.000 CDs vendidos.
CD “CÂNDIDOS”, O CD tem a participação especialíssima de Fagner. Depois desse lançamento em 2010, a cantora ainda gravou sua participação como cantora e compositora no CD CANTEIROS de André Mehmari , gravou “CHÃO DE AQUARELA” com Cristina Saraiva com os arranjos de Mauricio Maestro.
Gravou em Fevereiro de 2013 o seu mais novo álbum “CLARICE” Com Paulo Jobim, Miúcha ,Danilo Caymmi, Leonel Laterza, Ilessi ,Ana de Hollanda e Novelli.
2015 a cantora e compositora se entrega ao CIVEBRA (curso de verão no Festival internacional de Brasília) como professora convidada para o  núcleo de canto popular com os Co- repetidores Flávio Rodrigues e Agilson Alcântara.
No festival a cantora se apresenta ao lado de Nelson Farias, violonista que representa o Brasil no mundo e com os artistas Luiz Felipe Gama e Ana Luiza. Se preparando para mais um CD autoral com o casal de artistas .
        
Discografia Comentada:
 http://musicabrasileira.org/simoneguimaraes/ por Egídio Leitão.TEXAS.
GRAVADORAS


Nenhum comentário: