quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Tó Teixeira - Vida e Obra




 "O violão é um coração de seis cordas"
João de Jesus Paes Loureiro


"Tocar violão é deter um poder de curar-se de qualquer mal do espírito. É uma riqueza intangível, uma dádiva de Deus. Tocar violão é como arrancar com os dedos a música do próprio coração; deixá-la sair, fluir, fluir. Não há nada que combine mais com a lua, com as noites serenas, do que um velho pinho.
Em tuas cordas entrego meus dedos e em teu braço entrego meu sustento violão amigo, lira dos aflitos; plantarei contigo sonhos pela terra; levarás comigo o som do nosso chão!"

"[...] Tó Teixeira, este Poeta do Violão foi mais que um compositor; mais que um professor, que um encadernador de livros em uma humilde oficina.
Tó Teixeira foi o pensamento musical mais vivo de nossa era a emanar das cordas de seu pinho as mais perfeitas harmonias e melodias as quais ao refletirem sua humilde nobreza e amor pela arte dos sons, acabaram por sedimentar e formar gerações portadoras daquilo que mais dignifica um povo: a sua arte. Bambiás, carimbós, chulas, valsas, chorinhos, prelúdios, sambas, ladainhas, tantos gêneros que Tó perpetuou, estão entrelaçados nesta pesquisa como prova da vida de dedicação e carinho que o Mestre Tó soube tão bem viver.”

Salomão Habib


"Partituras são palavras fugidas da alma deste poeta calado, cuja fala curvou-se amiúde ao anseio de tocar. Eis que surge deste flerte entre silêncio e pauta, a Música; Genialidade e delicadeza que precipitam de Tó e nos atingem.
Transcrita em saudades, mágoas, lembranças, choros e danças, floresce a eternidade que Tó plantou em nós."

Mei Paes Loureiro Habib Dantas




Nenhum comentário: